terça-feira, 6 de maio de 2008

O que é um grupo de jovens?

(Dinâmica dos Balões: um número de balões condizente com o número de participantes do grupo. 1) Pede para que cada uma encha o seu balão. 2) Provoca um membro do grupo para tentar manter todos os balões no ar, podendo usar os pés e as mãos (certamente ele não conseguirá). Enquanto isso o(a) coordenador(a) pode ir perguntando: o que você pode fazer para conseguir? Quer Ajuda de outro(a)? Mais alguém? Ir inserindo um por vez até envolver todo o grupo. (Tendo realizado a dinâmica refletir sobre o espírito de companheirismo e entre ajuda que precisa existir no grupo.)
O grupo surge da necessidade que os jovens sentem de se encontrar para conversar sobre sua vida e sobre a vida da comunidade. Então, é importante que os jovens queiram se reunir. Sem sentirem-se pressionados.
Para existir grupo de jovens é preciso existir um sonho na juventude que leva ela se reunir. Ter sonho é ter um objetivo maior e que seja comum. Uma utopia. Isso quer dizer que não é só festa. Para se festejar, celebrar é preciso ter um bom motivo de vitória e a vitória só acontece onde existe uma luta planejada e realizada.
O grupo é espaço de partilha das necessidades, de discussão de assuntos e distribuição de tarefas que dizem respeito à comunidade. Por isso é importante que os jovens do grupo vivam numa mesma comunidade, bairro ou região.
O ato de encontrar-se é de fundamental importância para a vida do grupo. Ao encontrar-se o grupo nasce, cresce e amadurece. Isso vai dando identidade ao grupo. O encontro acontece depois de uma boa preparação que segue alguns passos:
ð Ambiente: arrumar o local do encontro com símbolos que identificam a juventude e que digam respeito ao que vai ser tratado no encontro. Observar a disposição das cadeiras.
ð Acolhida e apresentação: são elementos que ajudam a criar um clima de amizade e intimidade entre os jovens.
ð Memória: resgatar, lembrar alguns pontos e decisões importantes do último encontro, a fim de ajudar no processo e avanço das discussões do grupo. É interessante procurar saber se as tarefas distribuídas foram realizadas. Isso ajuda na educação para assumir as responsabilidades.
ð Assunto a ser debatido: esses precisam estar relacionados com a vida dos jovens (alegrias, tristezas, dificuldades, família, afetividade, escola, trabalho, comunidade, política, religião...). Ao final de cada assunto discutido é importante assumir um compromisso, uma ação concreta e realizável.
ð Oração: é o momento de rezar a vida do grupo: vitórias, problemas, dificuldades, compromissos, desafios... A criatividade, a simbologia e a Bíblia são elementos importantes. A comparação bíblica ajuda o grupo a descobrir atitudes de Jesus diante de uma situação semelhante a que está vivendo. A Bíblia é necessária para que o jovem possa assumir valores evangélicos, comparando sua vida com a de Jesus.
ð Avaliação: ajuda a melhorar encontros e contribui na criação do senso crítico dos jovens.
ð Planejamento: o que? Como? Quem? Quando? Onde? Quem?

Um comentário:

Camila disse...

É importante sempre repensar o que é o grupo de jovens, e os objetivos enquanto grupo. O grupo de jovens é o melhor espaço para descobrir a própria identidade, compartilhar sonhos, viver os melhores e mais saudáveis momentos da juventude.
Estar num grupo de jovens sempre me renova!

E olha...Portela tá 10 ein!?
Parabéns pelo blog!
Parabéns pela caminhada e pela resistência!
e Parabéns pelo belo trabalho de evangelização!

Beijosssssssssssssss

Uma vez pjoteiro, sempre pjoteiro!